Pesquisadores encontram rastros de El Dorado, a cidade de ouro perdida

A antiga lenda do mítico El Dorado, um lugar supostamente repleto de riquezas que atiçaram a cobiça dos espanhóis, volta a despertar atenção. Pesquisadores da Universidade Nacional da Colômbia encontraram um imenso cemitério, próximo à cidade de Bogotá, pertencente à comunidade Muisca, com mais de 100 tumbas que seriam de habitantes da civilização de El Dorado.

Conheça tesouros reais, ainda intocados e malditos da história da humanidade

Tesouros escondidos em locais de difícil acesso e cercados por armadilhas mortais. Parece roteiro do filme do Indiana Jones, mas não é: verdadeiras joias perdidas ainda podem fazer a fortuna de muitos, contudo, buscar estas riquezas não garante aos aventureiros o final feliz do cinema. Veja abaixo porque algumas fortunas perdidas ao longo do tempo ainda permanecem intocadas ou envolvem algumas batalhas judiciais que se arrastaram por anos.

O navio do pirata Barba Negra e seus fascinantes "tesouros" históricos

Dois canhões usados pelo famoso pirata Barba Negra, responsável por aterrorizar os oceanos há séculos atrás, foram retirados do seu navio no fundo do mar. Mergulhadores resgataram as duas armas dos restos do Queen Anne's Revenge, que está no fundo do oceano, numa região mar afora na costa da Carolina do Norte. Antigo navio negreiro francês, a embarcação foi renomeada para Queen Anne's Revenge (algo como "Vingança da Rainha Anne", numa tradução livre) pelo pirada inglês Barba Negra, que capturou a embarcação em 1717.